Press enter to see results or esc to cancel.

[WINDOWS] Android Emulator Quick Boot: inicialização mais rápida do emulador

Como citado pelo Mahmoud o emulador Android ganhou um update para tornar a inicialização mais rápida com o Android Emulator Quick Boot. (Acesse o post para ler mais sobre o Quick Boot)

No post citado acima o Mahmoud descreve o passo a passo para habilitar este recurso no sistema operacional Mac OS.

No Windows são necessário alguns passos a mais, que vou descrever neste post.

O que vai acontecer?

Após realizar esta atualização as ferramentas SDK Manager e AVD Manager não estarão mais disponíveis. Isto não foi causado pela Microsoft, foi uma decisão da equipe da Google, ou seja, para ter a versão mais nova dos recursos, você inevitávelmente terá que abrir mão destas ferramentas.

Mas como vou gerenciar meu SDK e meus emuladores?

Se você for uma pessoa desenvolvedora .Net e utiliza o Xamarin e Visual Studio para o seu dia a dia de desenvolvimento, não se preocupe, a Xamarin desenvolveu sua própria ferramenta com interface visual para te ajudar nestas tarefas. A instalação e configuração destas ferramentas serão citas no decorrer deste post.

Se você não é uma pessoa desenvolvedora .Net, não se preocupe também, você ainda poderá utilizar a ferramenta de linha de comando para gerenciar seus emuladoressdk

Atualizando seu Android SDK Tools no Windows

Para atualizar o Android SDK Tools no Windows vamos utilizar a ferramenta de linha de comando, até o momento, não é possível realizar esta atualização pela ferramenta de interface visual.

Abra a sua ferramenta de linha de comando no windows em modo administrador e navegue a pasta de instalação do Android SDK Manager. No Visual Studio 2017 você consegue visualizar esta informação acessando Tools > Options > Xamarin

Execute os comandos


ren tools tools.old
tools.old\bin\sdkmanager.bat "tools"
dir tools*

Estes comandos irão renomear a sua pasta tools para tools.old e copiar o conteúdo dela para uma nova pasta tools. Nela você terá permissões suficientes para realizar as alterações.

A partir da pasta bin na nova pasta tools execute o comando:


.\sdkmanager --update

Este comando irá solicitar que você confirme alguns termos e irá atualizar seu Android SDK Tools

Para checar se tudo ocorreu como deveria execute o comando:


.\sdkmanager --version

Caso tudo tenha sido executado com sucesso, o comando acima irá retornar a versão do sdk tools, caso algo tenha dado errado o comando retornará um erro.

Pronto! Seu Android SDK está atualizado, assim como seu emulador!

Seu emulador deve estar na versão 27.0.5 ou superior e seu Android SDK Tools na versão 26.1.1 ou superior

Com esta atualização o seu emulador já está funcionando com o Quick Boot, basta você executar o emulador uma primeira vez e então nas proximas vezes a inicialização será instantanea.

Instalando o Xamarin SDK Manager

Após finalizar a atualização, como citado acima, a sua ferramenta de interface visual do Android SDK Manager não estará mais disponível. Para instalar o Xamarin SDK Manager, abra o Visual Studio Installer, clique em Modify > Individual Components,  selecione Xamarin SDK Manager e clique em Modify.

Para maiores detalhes e informações desta ferramenta, acesse a página da Xamarin sobre ela

Instalando o Xamarin Device Manager

Para gerenciar seus emuladores por uma interface visual, instale o Xamarin Device Manager, disponível neste endereço.

Vale lembrar que esta ferramenta está em Preview.

Após realizar o processo de atualização/instalação dos softwares descritos acima, execute o Xamarin SDK Manager e o Xamarin Device Manager ao menos uma vez para que o Visual Studio 2017 reconheça os softwares e automaticamente “relink” os botões de atalho da barra de ferramentas.

Se você estiver desenvolvendo Xamarin/ Xamarin Forms apague as pastas bin e obj da PCL/ .Net Standart e dos projetos das plataformas específicas.

Conclusão

Apesar de ser necessário executar alguns comandos a mais no Windows, a atualização do SDK que disponibiliza o Quick Boot continua sendo muito útil, dado que os comandos serão executados uma única vez e o start do emulador será muito mais rápido todas as vezes que você for testar seu app no emulador android.

Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on LinkedInEmail this to someone
Comments

1 Comment

Raul Pires

Muito bom o guia, tenho costume de realizar o debug em aparelhos físicos, mas para acelerar o desenvolvimento ajuda um bocado ter um emulador a disposição, até então não tinha conseguido deixar o funcionamento dele tão eficiente comparado ao Eclipse.
Meus agradecimentos.


Leave a Comment